Menu
da capo
Não tenha medo do caminho; tenha medo de não caminhar
Augusto Cury
Playlists com músicas especiais para você
25 de junho de 2020
uma leitura de 5 minutos

Prêmio Funarte RespirArte: R$ 2.500 por Contemplado

Para ajudá-lo, elaborei uma lista com sugestões de vídeos para inspirar você a concorrer ao Prêmio Funarte RespirArte. Farei um webinar explicando o edital e dando mais dicas, então fique atento.

A boa notícia: este edital é bem mais simples que os outros!

Foto: Reprodução

– por Paula Musique

Fundação Nacional de Artes (Funarte), órgão do governo federal, publica edital que vai premiar 1.600 vídeos online.

O Prêmio Funarte RespirArte

O Prêmio Funarte RespirArte tem como objetivo a seleção de atrações online para o público e a promoção da arte, de vertentes culturais de todas as regiões do país.

Por meio do processo seletivo público nacional, a Funarte pretende incentivar 1.600 produções artísticas em vídeo, inéditas, realizadas em plataformas digitais, com prêmios de R$ 2.500,00 para cada contemplado (deduzidos os tributos). As áreas alcançadas são: circo, artes visuais, música, dança, teatro e artes integradas. A Fundação concederá 270 prêmios para cada uma das linguagens específicas e 250 para artes integradas, num investimento de R$ 4.072.000,00 (R$ 4 milhões para os projetos e R$ 72 mil para custos administrativos).

Ideias para Músicos em Tempos de Crise
Orgulho ou Vergonha: Música, Educação e Indústria no Brasil
.

Quem pode se inscrever

Podem se inscrever no edital, gratuitamente, brasileiros natos ou naturalizados, maiores de 18 anos; e pessoas jurídicas de natureza cultural – tais como produtoras, companhias ou grupos. Os participantes devem ter residência ou sede e atuação comprovadas no país. Todas as produções inscritas devem ser registradas em vídeos, formatados segundo critérios estabelecidos no edital e publicados em plataformas digitais de acesso público. O número de prêmios poderá ser ampliado, caso a Funarte venha a dispor de mais recursos.

amazon.com.br

Áreas contempladas

São aceitos no processo seletivo os seguintes tipos de trabalhos:

● Artes Visuais – Produções em diferentes práticas contemporâneas, como performance, vídeo de artistas, “videomapping” e arte sonora, entre outras; bem como nas demais práticas convencionais, como pintura, escultura, desenho, gravura, fotografia, entre outras, e suas “interfaces para veiculação em plataformas digitais”.
● Dança – Para trabalhos nos diversos segmentos dessa linguagem.
● Teatro – Criações nas várias modalidades, tais como contação de histórias, teatro de bonecos, de fantoches, de sombras; e no formato de monólogo, leitura dramática, drama e humor, entre outros.
● Circo – Produções nos diferentes tipos de artes circenses.
Música – Trabalhos em qualquer estilo e gênero musical.
● Artes Integradas – Criações direcionadas, de forma integrada, para mais de uma das linguagens citadas acima.

.
Prazo de inscrição

As inscrições devem ser realizadas por meio do formulário online, em link disponível abaixo. O prazo iniciou-se no dia 17 de junho, às 9h01min, e termina dia 3 de agosto, às 17h59 (prorrogado para o dia 25 de agosto). A Funarte considera para este prazo o horário de Brasília (DF).

A diferença entre o compositor e o letrista
Teste de história da música
.

O vídeo do proponente

O vídeo inscrito deverá ser disponibilizado em arquivo online, por meio de link, com compartilhamento aberto, informado no formulário de inscrição. Neste deve ser anexado o currículo do candidato – no qual se comprove atuação no Brasil, na área artística na qual se inscreveu.

No edital, os interessados encontrarão instruções sobre especificações técnicas do vídeo, inscrições, sugestões de plataformas online ou em nuvem de armazenamento, link de disponibilização e preenchimento de formulário, além de outras informações e regras detalhadas.
.

Vídeo explicativo sobre o Prêmio Funarte RespirArte

Farei uma LIVE no Instagram explicando o edital, então fique atento. Já deixe sua curtida aqui no post (ao fim do post, tem o botão “like”)

 

Curta nossa Página no Facebook para mais notícias assim.

 

O edital e o link para inscrição

Não se inscreva sem antes ler as dicas abaixo e assistir nossa LIVE explicativa.

Acesse aqui o edital Prêmio Funarte RespirArte
Acesse aqui o link para inscrições online

Mais informações sobre o edital: respirarte@funarte.gov.br (não envie dúvidas antes de ler o edital por completo)

Fonte: www.funarte.gov.br

Foto: Pexels

MINHAS SUGESTÕES IRÃO AJUDÁ-LO

Como tenho experiência na elaboração de editais, além de ser atuante como jurada, parecerista e membro de comissão organizadora de editais semelhantes, espero poder ajudar você.

Muitos artistas têm receio de participar em editais públicos do governo. E eu entendo os porquês: o texto dos editais é quase sempre muito chato de ler, somando-se a burocracia com documentos para anexar mais as regrinhas de prestação de contas, você desanima e acha que nem vale a pena tentar, pois devido a tantas normas, você pode deixar alguma coisa passar e seu projeto nem ser habilitado para a fase seguinte em que os jurados analisarão sua proposta. Mas espera aí! Continue lendo.

Jogo dos instrumentos de orquestra
Mais sugestões para músicos em tempos de crise

Sua “primeira vez” x proponentes experientes

Bom, imagine que assim como você que é inexperiente, vários outros como você também se inscrevem. Há, sim, os “proponentes profissionais”, aqueles que já conhecem as manhas e ganham recursos públicos todos os anos para manterem seus projetos artístico-culturais.

Se você é do time dos experientes, vai gostar deste edital do Prêmio Funarte RespirArte, pois é “mastigadinho” e mais simples que os que você está acostumado.

Se você é do time dos calouros, I have some good news: este edital é fácil para ser a sua “primeira vez”. É um bom começo para você exercitar suas habilidades como proponente em editais públicos.

Deixe sua curtida neste post e compartilhe esta notícia com seus amigos músicos. É uma forma de me agradecer pelas horas e horas que passei estudando o edital e planejando estas dicas. A cada curtida eu abro um sorriso. ;)
.

Estrelinha federal

Muitos artistas serão premiados e muitos artistas não serão premiados. Se você não for, não fique triste; certamente valerá o aprendizado e você se sentirá mais corajoso para se inscrever nos próximos. Se você for selecionado, “good for you”. Agora você terá no currículo uma “estrelinha federal” que iluminará seu portfólio para outros concursos.

Songbooks de Música Brasileira – para comprar
Teste sobre música brasileira
Maria Callas: la divina diva da ópera

Dois alertas cruciais

1. Leia TODO o edital do Prêmio Funarte RespirArte, por inteiro mesmo, prestando atenção nos detalhes. É incrível o tipo de pergunta que recebo quando estou na comissão de algum edital (no momento estou em duas). Sem comentários.

2. Siga TODAS as regras. Digamos que haja 30 regras no edital e você pensa “ah, meu projeto está lindo, segui 29 regras, só não consegui efetivar umazinha; eles não irão me desclassificar por isso”. Lamento dizer que irão, sim. Você pode ser deixado para trás por um pequeno detalhe. Há pouquissíssimas exceções e você não quer arriscar apostando em ser a exceção. Siga TODAS as regras, leia bem o edital e envie um e-mail para eles apenas se tiver dúvida sobre algo que não ficou muito claro no texto do edital.

Este edital está tão fácil e eu entendo o porquê: o governo federal quer facilitar para que muitos artistas inexperientes em editais públicos possam participar e ganhar também nestes tempos de crise.

Se você é pintor, malabarista, ator, contador de histórias, dançarino; a partir desde ponto, este artigo já não é para você, mas sim para meu mais-que-especial leitor que atua no planeta Música. Sinta-se à vontade para prosseguir com a leitura e adaptar as sugestões para o seu campo das Artes, mas saiba que agora o foco será nos músicos.
.

Estimado músico

Vale lembrar que você tem a opção de concorrer na área de Música ou de Artes Integradas – em que você une música à contação de histórias, música com teatro, música com dança ou outras possíveis combinações.

Cada proponente pode enviar apenas um projeto em seu nome; porém, olha a minha dica: você pode mandar um projeto somente seu, com seu nome como proponente, claro; e mandar também um projeto em duo, trio e seu colega coloca o nome dele como proponente.

Lembre-se que o vídeo não pode ter sido publicado antes de sua participação neste edital.

Vamos então à lista de ideias para você se inspirar, fazer como está sugerido ou adaptar!

A mágica da leitura à primeira vista
A modinha no Brasil: conheça a origem da música brasileira
Música, Peças e Histórias Infantis – para comprar
CDs e Vinis de Trilhas Sonoras – para comprar

banner cinema

Dicas de vídeos para o Prêmio Funarte RespirArte

Para seu planejamento, pergunte-se o básico: o que, quem, como, onde, quando e quanto.

1. O que será o vídeo?

videoclipe de uma música inédita sua
concerto didático solo ao piano viajando pela História da Música
show solo tocando música autoral
– quarteto de cordas executando um arranjo do Hino Nacional adaptado para o gênero samba
– duo de voz e violão cantando os hits das novelas brasileiras (verificar questões de direitos autorais)
– contação de história musical para o público infantil
– um duo de violino e piano tocando músicas típicas de diferentes regiões do Brasil
piano a quatro mãos com peças de Brahms
coral mosaico com arranjo da música feito por um dos membros ou maestro do coral
– paródia cantando sobre a vida em tempos de pandemia (lembre-se dos direitos autorais)
– série com peças barrocas para piano e cello em que os artistas vestem roupas de época
// Defina se o vídeo terá um tom de performance de concerto, de show popular, didático ou cômico.

Listei acima várias possibilidades para você se inspirar, fazer conforme descrito, modificar – o que importa é criar coragem e participar!

Tenho a sensação de que muitos vídeos que refletem o tempo que estamos vivendo serão contemplados. Mas não serão todos. Imagino que irão mesclar ideias que fazem referência à crise com os vídeos tradicionais com toque inovador – como as ideias que citei acima.

2. Quem? Quem irá filmar, editar imagem e som, colocar os créditos no vídeo, fazer a iluminação (se houver), redigir a inscrição e enviar para a Funarte, participar tocando ou cantando com você, etc. Se você mesmo fizer tudo, não há problemas. Basta planejar para executar direitinho.

3. Como? Haverá cenário, iluminação, roupas diferenciadas, letra da música no vídeo, legenda com nome e autor da peça executada, gravação do áudio com microfone/celular/gravador digital, gravação de imagem com câmera/celular.

4. Onde? A gravação será em sua casa, em um estúdio, ao ar livre, em mais de uma localização.

Exemplo: um vídeo com você arrasando na guitarra na laje de casa com a legenda do vídeo contando como você se sente nos tempos de quarentena pode chamar mais atenção do que um vídeo de um quarteto de cordas tocando Mozart numa sala de estar lindíssima. É tudo muito relativo no mundo dos jurados.

O mercado e a cultura da Música no Brasil
Ideias para músicos em tempos de crise
A importância da leitura de partitura
Pandemia: as músicas da quarentena

5. Quando? Faça um cronograma determinando dias para planejamento, ensaio, gravação, edição e inscrição/envio para a Funarte.

Eu não planejaria nada antes de ler todo o edital e assistir a LIVE.

6. Quanto? Se o projeto é com mais de uma pessoa, deixe tudo definido previamente quanto cada um irá receber. Se você não sabe editar vídeo, assista tutoriais na internet e veja se consegue aprender, senão, faça um orçamento com algum amigo/profissional.


Temática da quarentena

Se você abordar o tema pandemia ou quarentena, você pode incluir cenas usando máscara e álcool gel, tocando ukulele e cantando enquanto caminha pela casa. Você pode filmar (em algum lugar seguro, dependendo da sua cidade) na madrugada mostrando a cidade vazia, todos em casa e você com sua solidão. Isto se você quiser seu vídeo num tom cômico ou dramático. Para se inspirar, assista os vídeos deste post com músicas da quarentena.
.

Temática educacional

Vídeos com objetivo didático/educacional podem se destacar, pois devido ao conteúdo abordado, os vídeos podem ser usados como parte do conteúdo nas milhares de aulas online sendo realizadas todos os dias nestes tempos modernos. O governo pode se interessar em contemplar uma boa quantidade de vídeos com este teor.

violão

Foto: Akshar Dave

Número de participantes

Quanto mais gente no projeto, menor o valor que cada um irá receber. Então pense bem em quantas pessoas você envolverá no projeto. Se todos do grupo estão bem financeiramente e a intenção é fazer o trabalho do grupo mais conhecido e acrescentar este prêmio ao currículo, okay; mas se você está precisando de recursos para se manter nestes tempos sem concertos, shows, casamentos, formaturas e outras gigs, aí é melhor fazer algo compacto e de excelência.

Dica de ouro

Elabore seu projeto levando em consideração a lista de critérios do edital. Planeje algo que possibilite que você ganhe pontuação máxima em cada critério.

– – –

Não deixe para a última hora. Leia o edital HOJE e comece a planejar.

Deixe sua curtida neste post e compartilhe esta notícia com seus amigos músicos. É uma forma de me agradecer pelas horas e horas que passei estudando o edital e planejando estas dicas. A cada curtida eu abro um sorriso. ;)

Ufa! The end!

Conta para mim, você vai se inscrever? Estas dicas foram úteis? Você já participou de muitos editais?

amazon.com.br

Acesse aqui o edital Prêmio Funarte RespirArte
Acesse aqui o link para inscrições online

Mais informações sobre o edital: respirarte@funarte.gov.br (não envie dúvidas antes de ler o edital por completos)

Lembre-se de deixar seu like. Isto nos motiva a escrever mais.
Participe de nossas enquetes na barra lateral (computador) ou na parte inferior (smartphone) do blogue.
Siga o blogue e compartilhe com os seus amigos ;)

Paula Musique
Viver vai muito além de realizar meus próprios sonhos, pois posso dar as mãos ao próximo e ajudá-lo a realizar seus sonhos também & a vida fica muito melhor com Música.
Buscando total... comentários
Você também pode gostar de ler:
Copyright - Paula Musique © Todos os direitos reservados.